Monte Pilatus – Guia completo do inverno

Sinta-se no topo do Mundo!

Imaginem só, comer fondue de queijo suíço em um legítimo alpe suíço? Claro, depois de muito brincar na neve e ainda se maravilhar com lendas e vistas de tirar o fôlego! No Monte Pilatus isso é possível.

Eu estava tão animada para esse dia, sou apaixonada por queijos, fondues e cosias gostosas! Mesmo sabendo que teria que vencer meu medo de altura, fui feliz e contente. Sorte a minha, pois ainda descobri o segredinho que faz do queijo e do chocolate Suíço algo de outro mundo. Querem saber também? Então vem viajar comigo e conhecer tudo que precisa saber para visitar o Monte Pilatus na Suíça.

O Monte Pilatus


O Monte Pilatus é um maciço rochoso nos alpes suíços, bem pertinho de Lucerna, com uma vista brutal! Lá do alto do Monte Pilatus, nos sentimos no topo do Mundo, de lá estamos a cima de quase todos os picos próximos. O Monte Pilatus não é a montanha mais alta da Europa e nem da Suíça, mas sem dúvidas é algo muito especial, com paisagens sem igual.

O Monte Pilatus está divido em algumas estações:

Krienseregg

É a primeira parada do Monte Pilatus e perfeito para as famílias! Principalmente se está com crianças pequenas. Entretanto no inverno, estava tudo tomado de neve e só paramos nesta estação para o Emmanuel conhecer o mascote da montanha e para alugarmos nossos trenós. Entretanto é nesta estação que encontra-se o parque infantil Pilu Land e a área para piqueniques.

Fräkmüntegg


É aqui que a aventura começa! É onde saímos com nosso trenó em uma pista de tirar o fôlego! Me apaixonei ainda mais pela Suíça, esse pedacinho da Terra foi feito mesmo com esmero. É tudo tão lindo que a vontade é parar a cada curva e ficar a contemplar. Mas a diversão nos chamou e todo medo que pude sentir em algum momento, foi embora na mesma hora e desci feliz e contente com meu marido e filho.

No verão, esta estação também tem muita diversão e a pista de trenó dá lugar ao maior parque de cordas do centro da Suíça, o Tree Tents. Também há pista de tobogã e trilhas para caminhada. Ah, não se preocupe se a fome apertar, o restaurante self-service sem dúvidas vai ter satisfazer e matar a vontade das delicias suíças para comer.

Pilatus Kulm


É a parte mais alta do Monte Pilatus, com lojinhas, restaurante e até hotel! Foi onde eu simplesmente parei alguns minutos e me perdi observando toda aquela paisagem! Tão lindo ver o cume das montanhas próximas e notar que está realmente no topo do Mundo.

É maravilhoso tudo por lá, e é onde fica a famosa caverna do Dragão! Você não pensou que o dragão do Monte Pilatus era apenas um desenho, certo? Há quem diga de pés juntos que esses animais realmente existiram por lá e muitas lendas rodeiam o lugar.

E se você quiser desbravar, não tenha medo, vá até a trilha do Dragão ou a da flor, tem muitas te esperando! Infelizmente só conhecemos a trilha do Dragão e posso afirmar a vista é algo surreal por lá.


Hotel Pilatus Kulm


Se quiser ficar mais, não há problema! No Pilatus Kulm existe um hotel, luxuoso e tradiconal que um dia ainda quero conhecer, imagina dormir com essa vista? A 2.132 medos a cima do nível do mar?


Dragão do Monte Pilatus


Se você for pesquisar, vai encontra uma dezena de lendas sobre o Dragão do Monte Pilatus, até uma lenda que diz que o nome Pilatus vem do próprio Pilatus. Entretanto a lenda que ouvi por lá é um bocado diferente e foi a Corin, funcionária do Monte Pilatus quem nos contou.


A lenda


Reza a lenda, que em um certo inverno lá da Idade Média, muito frio e congelante, um rapaz se perdeu e caiu em um buraco! Ele ficou desaparecido por todo inverno e quando reapareceu, jurou para todos que só sobreviveu porque dois dragões o aqueceram durante todo o inverno. Se é verdade ou não, não sabemos, mas há diversas lendas de dragão nesta área, e alguns juram que os dragões viviam sim por lá!

Magia de verdade


O que não podemos negar é que o Monte Pilatus é realmente mágico e eu, se pudesse, teria passado dias por lá. Já estou louca para conhecer o local no verão, mas confesso que acho impossível ser mais bonito que no inverno onde a neve parece um monte de diamante brilhante.

Monte Pilatus no inverno

O Monte Pilatus é completamente versátil e tem atividades o ano inteiro, tanto para o verão quanto para o inverno. Entretanto neste post eu contarei a vocês sobre o Monte Pilatus no Inverno e toda diversão que ele pode nos proporcionar.

São muitos declives no Monte Pilatos, você pode usar e abusar. O visual é totalmente diferente do usual, com suas montanhas cobertas de neve, que mais parecem chocolates polvilhados de açúcar!

Atividades para o inverno


Não tem quem não se divirta na neve e o Monte Pilatus proporciona momentos incríveis! Tanto para os mais aventureiros, quanto para os mais cautelosos. Entretanto, a fama do Monte Pilatus vem mesmo dos dias mais quente onde é possível fazer um trajeto especial de trem, a Golden Roundtrip! Sem dúvidas quero voltar nesta época.

Trenó


São vários os declives de neve natural, que nos proporcionam emocionantes corridas de trenó. De início pode até parecer difícil, mas em poucos minutos se pega o jeito. A pista se subdivide no meio da descida em mais radical ou mais tranquila. Claro que escolhemos a mais radical e não me arrependo, apesar de na hora ter tremido na base, rs. Mas de toda a viagem esse foi um dos momentos mais mágicos, descer dentre as lindas árvores cheias de neve foi simplesmente INCRÍVEL! Me senti dentro de um filme com um cenário montado de tão lindo.

Aluguel e valor


Não se preocupe em levar seu trenó, é possível alugar na estação de Krienseregg. O trenó duplo custa 20 francos suíços e o individual 15 francos suíços para curtirem o dia todo. Mas lembrem-se esse valor é referente ao inverno de 2019, pode haver variações no ano de sua visita.


Caminhada na Neve


Se o cenário é incrível, com certeza aproveitá-lo é uma ótima opção. Não deixe de visitar e esmiuçar essa montanha que é simplesmente linda! Alugue aquelas raquetes e se jogue nas trilhas.


Experiencia gastronômica


Se eu estou na Suíça no inverno, não posso deixar de experimentar o famoso Fondue Suíço, de queijo suíço em cima de um alpe suíço, não é mesmo?? E ainda bem que não deixei mesmo de fazer isso, foi uma experiência gastronômica COMPLETA!

Restaurante Pilatus Kulm


Nosso almoço foi no Salão da Rainha Victoria, construído em 1890. Um ambiente requintado, com uma vista maravilhosa e dois dragões de gelo nos esperando a porta. Antes mesmo de comer qualquer coisa eu já estava encantada, até que veio o aroma que me fez voar entre o salão.

O Fondue de Queijo, não era apenas um fondue de queijo. Era um fondue de queijo suíço. Era tradição, e completamente diferente de tudo que havia comido.

Primeiro o aroma e o sabor me fizeram flutuar, depois veio toda brincadeira de quem perde a batata na panela de fondue, e, claro que eu perdi! Heim? É uma tradição entre os suíços que quem perde a batata na panela de fondue, vai pagar uma prenda combinada pelo grupo, a prenda eu não paguei, mas curti a ideia.

Menu Kids


Para o pequeno, decidimos pedir algo mais nutritivo e completo! Logo que chegamos já foi bem recebido com kit desenho e em seguida vieram seus nuggets junto aos legumes e batatas, uma verdadeira delícia e tão apetitoso que quis abocanhar uns pedacinhos.

Ele comeu tudo e acabou por ficar tão satisfeito e feliz do dia repleto de diversão, que dormiu em seguida.


Como chegar


O Monte Pilatus tem fácil acesso de transporte público e está muito bem conectado a cidade. Vá até a estação ferroviária de Lucerna (Luzern Bahnhof) e de lá pegue o ônibus número 1 em direção à Obernau que te levará até Kriens na estação Zetrun/Pilatus. Mas calma, você ainda não chegou, entretanto uma caminhadinha de 5 a 10 minustos te levará até a estação das gôndolas de onde realmente você subirá até o Monte Pilatus. Fique tranquilo, o caminho é todo sinalizado, é impossível se perder durante a caminhada.

Swiss Travel Pass


Nós optamos por usar o Swiss Travel Pass durante toda nossa estádia na Suíça e com isso garantimos acesso ilimitado em todo tipo de transporte público na Suíça. Veja aqui o texto explicando tudo sobre o Swiss Travel Pass Não é necessário apresentar o pass sempre que se entra em algum transporte, mas o tenha a mãos, caso peçam. Pois se não o tiver, se prepare para uma bela multa.

O que achei do Monte Pilatus – Um pedacinho do livro Quebrando o Gelo


Acordei animada e Igor um pouco melhor. Hora de ir ao Monte Pilatus, onde eu vou realizar outro sonho, porém desta vez gastronômico. Chamo-me Cristina, mas acho que a alma é de Magali. Quero provar tudo que posso para sentir o gosto de cada país. Agora imagina só. Comer queijo na Suíça, e ainda provar um autêntico fondue!!! É ansiedade que se fala, né? E é muiiiita ansiedade o que sinto! Mas antes do fondue, muita coisa ainda vai acontecer, como por exemplo: Conhecer o Monte Pilatus e descer de trenó por 4 km.


O primeiro obstáculo


O dia começou animado e céus!! Precisamos mesmo subir neste negócio ai? Muitas pessoas não sabem, mas eu MORRO, MORRO mesmo de medo de altura, e para chegar ao topo do Monte Pilatus, nós pegamos alguns teleféricos.. Pára! Isso balança! Minhas mãos estão suando, mas, ao mesmo tempo, eu não posso mostrar isso ao Emmanuel, para ele não absorver meu medo.

Então, cara de paisagem, sorriso congelado, e vamos fingir que a paisagem belíssima vai anular esse medo.


O segundo desafio


Chegamos finalmente ao topo do monte com nosso trenó nas mãos. Para mim seria uma descida super tranquila, já que crianças podem ir. Entretanto.. mais um desafio a ser vencido. Mais uma vez o medo de altura veio, e o medo de fazer algo pela primeira vez veio junto. Eu mal sabia como seria controlar um trenó, e quando vi a pista, quase desisti. Na minha cabeça isso é um precipício com muitas curvas, que eu nem saberia fazer. Odeio dirigir qualquer coisa, mas como vou descer se não for assim? Ok, Emmanuel quer se divertir, vamos nessa! E seja o que Deus quiser e ..


Monte Pilatus – Diversão garantida


– Ei.. espera aí! Isso nem é tão difícil assim. Os pés controlam bem e você não perde a direção. Até a velocidade dá para controlar. Uhullllll, to aaaamando. Vemmm pequeno, com a mamãe também. E a vida me mostra mais uma vez que meus medos são tolos, e agradeço por ultrapassá-los. Emmanuel saiu do trenó do pai, e veio alguns metros comigo. Foi um momento mágico, entre árvores congeladas com os raios de sol passando entre elas, que mais pareciam terem sido desenhadas, de tão perfeitas. Me senti no reino encantado, ou em um filme.

O dia está perfeito, nem quente e nem frio, com céu azul e algumas nuvens para poder fazer um lindo desenho por onde passamos. Não sei porque, mas eu adoro quando o céu tem nuvens branquinhas que parecem algodão doce.

Brincadeira de criança

Chegamos a uma parte da descida que não deslizamos e precisamos carregar nosso trenó. Isso nos deu tempo de apreciar a paisagem, e nos jogar na neve! Jogue-me no chão fofo com neve branquinha, e fiz “anjinho”, seguido pelo Emmanuel e Igor, nós três como crianças brincando com a neve, como se nunca tivéssemos visto.

O restaurante Pilatus Kulm


Seguimos nosso caminho. Deslizamos mais um pouquinho. Deixamos nosso trenó. Subimos mais um teleférico e chegamos onde eu estava super ansiosa!!

O restauranteee com fonduuuueee de Queijo Suíço! Enquanto nosso fondue não chegava, comemos uma bela salada, e Emmanuel pôde brincar de colorir com o kit que o restaurante deu. Sossego garantido para gente comer, e se deliciar! E se nós vamos comer o fondue, Emmanuel vai nos nuguetts com batata, que estão tão apetitosos que me fez pensar se não queria o mesmo. Crocantes e macios, nuguets tipo caseiro, com salada e batatinhas que fazem “crunch” ao morder.

Fondue de queijo suíço


Ainda bem que não caí nessa tentação! O fondue chegou, com cestas de pães e batatas! O melhor fondue de queijo que já comi na vidaaa!

Enquanto comia, conversamos com os suíços que nos contaram que o queijo produzido para este fondue é de um lugarejo próximo dali, bem artesanal, e que as vaquinhas são muito felizes, e por isso fazem um leite tão gostoso. Será esse o segredo do chocolate Suíço? Pensando bem, até faz sentido.

Êta, agora pensando mais, cadê o fondue de chocolate que tanto comemos no Brasil?

-Oi? Aqui não tem fondue de chocolate? – Até tem, mas não é comum, e normalmente fazemos em datas especiais e para crianças. Um balde de água fria! Eu estava me deliciandooo! Imagina fondue de queijo e de chocolate suíço juntos! Minhas papilas gustativas não iriam nem aguentar tanta delícia. Talvez tenha sido melhor assim.

Feliz e realizada!

Comi tanto, fiquei tão feliz que voltei quase flutuando. Hora de descer.

O dia foi maravilhoso, e eu só queria guardar essa memória em uma caixinha. Os olhos de felicidade do Emmanuel, o sorriso do Igor, e minha realização de estar viajando em família e tão feliz! Não poderia ser diferente a Suíça é realmente LINDA!

Leia também sobre a nossa experiência de Hospedagem na Suíça

O Cris pelo Mundo teve apoio em sua viagem do Monte Pilatus, porém este post é fidedigno às minhas impressões.

Não deixe de nos seguir no Instagram e curtir todas as nossas viagens em tempo real! Em nosso canal do YouTube também tem muiiita dica e viagem legal. E claro por aqui sempre traremos novidades, fique ligado no Cris pelo Mundo

Olá, que bom ver você por aqui!

Não deixe de se cadastrar para receber toda as novidades do site!

Fique por dentro de todos os posts

  • YouTube
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter

Tem dicas, sugestões ou dúvidas? Envie agora mesmo a sua mensagem!

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram